Notícias

A importância do legado e a construção do futuro

Encerramento da 13ª Assembleia de Alumni da AESE

Terminados os painéis, seguiu-se uma intervenção do Professor Juan Toribio muito voltada para os desafios de um mundo em mudança, na qual destacou o legado de conhecimento, ciência e tecnologia que deixamos às gerações futuras, sublinhando a importância e a responsabilidade de que, esta herança, não esqueça os valores da ética e da justiça.

Foi com esta tónica humanista, que prosseguiu numa homenagem ao Professor Raul Diniz, o Presidente Emérito da AESE que, aos 74 anos, deixa a vida letiva e este seu cargo. Foi ele quem subiu ao palco, com emoção, para dizer à plateia que “vivemos em adeus e em viagem e que é preciso um certo hábito de partir e uma certa vontade de não entristecer”.

As duas ovações de pé não deixaram dúvidas do papel e influência que este especialista em ética e liderança empresarial trouxe a muitos dos gestores presentes na sala, uma realidade reforçada pela Professora Fátima Carioca, Dean da AESE Business School, quando mais uma vez sublinhou a audácia e a alma com que sempre se empenhou.

Ainda antes do encerramento oficial, da Assembleia, a cargo do Vice-Primeiro Ministro Paulo Portas, Carlos Carreiras, Presidente da Câmara de Cascais, dirigiu breves palavras ao auditório do Centro de Congressos do Estoril para sublinhar que “uma escola como a vossa só poderia ser bem-vinda a Cascais”, referindo à AESE Business School como uma escola de líderes mas também uma escola de cidadania.

“Estamos melhor do que ontem e pior do que amanhã”
No discurso de enceramento da 13.ª Assembleia da AESE, o vice-primeiro-ministro, Paulo Portas, referiu o percurso efetuado por Portugal para sublinhar que “apesar de todas as dificuldades, prevaleceu sempre o bom senso e um espírito de acordo social que permi-tiu evitar as ruturas que aconteceram noutros sítios”.

“Este esforço desafiou a nossa própria autoestima enquanto nação mas foi nosso, foi conquistado e devemos preservar esta herança de boas contas, sem endividar as gerações futuras e deixando a economia respirar”, reforçou, desta-cando alguns dos indicadores económicos – confiança dos consumidores, exportações, entre outros – que o levam a afirmar: “com realismo, se pode dizer que Portugal está melhor do que já esteve e, se continuar este caminho, estará melhor daqui para a frente”.

Apontando o efeito virtuoso de uma economia a melhorar, Paulo Portas dedicou parte da sua intervenção às primeiras declarações públicas sobre a proposta de Orçamento de Estado para 2015, que caracterizou como “fiscalmente mais moderado”, com um IRS “mais voltado para as famílias” pela introdução do quociente familiar, que passa considerar na contabilização do imposto todos os dependentes do agregado – filhos e idosos.
Além de destacar a descida do IRC como “um fator positivo para os potenciais investidores”, o vice-primeiro-ministro referiu-se ainda ao Orçamento de Estado como “inédito” no que toca ao chamado crédito fiscal, em que “o Estado fica proibido de se apropriar do adicional da receita”.

Paulo Portas terminou destacando que pela primeira vez, em 40 anos, Portugal irá registar um défice abaixo dos 3%, sendo, por isso, a primeira vez que cumpre as regras e que fica do lado certo da fronteira entre os países que cumprem e aqueles que continuam com défice excessivo.

Paulo Portas, referindo-se a Raul Diniz e à sua despedida concluiu que “As pessoas que deixam de nos ensinar não são as pessoas que nos deixam de inquietar”.

Artigos relacionados
Um sucesso na busca dos roteiros para o crescimento de Portugal 

A emocionada mudança geracional da AESE

Internacionalização e Investimento Estrangeiro para o crescimento

Interação entre Gerações no Mundo Empresarial: Desafios e Oportunidades


PME’s – Desafio de crescimento e reindustrialização


O diálogo geracional e o crescimento: da desigualdade à oportunidade


O Mundo e o investimento estrangeiro


João Vale de Almeida reforça atualidade e relevância da parceria transatlântica


«Vivemos em adeus e em viagem…»


Galeria de Fotografias