Notícias > “Um unicórnio chamado Outsystems”

Um unicórnio chamado Outsystems

11/10/2018, Lisboa

O espírito empreendedor de Paulo Rosado, CEO da Outsystems, começou a germinar numa fase em que ponderava seguir a carreira académica e Silicon Valley reclamava a atenção do mundo.

Este foi o prelúdio da carreira de Paulo Rosado que tem revelado resultados excecionais no ecossistema tecnológico, depois da experiência acumulada na Oracle e na Altitude.

No Breakfast Seminar da AESE, onde se reuniu uma audiência de Alta Direção de Empresas, o líder referiu que a Outsystems é composta atualmente por 600 pessoas e está presente em 11 hubs internacionais. A competir no negócio da rapidez através de soluções tecnológicas, estão a contratar 400 pessoas, durante o ano de 2018.

A Outsystems que diz ter surgido “antes de tempo – o que é tão mau como surgir depois de tempo”, teve a virtude de resistir à adversidade da fase inicial de arranque e assim ganhar endurance para se afirmar no mercado no momento certo. A empresa encontra-se em rota de crescimento na ordem dos 60 % ao ano, estimando-se que em 2020, o mercado esteja avaliado em 25 biliões de dólares.