Empresas > Formação Customizada

Formação Customizada

Os Programas customizados da AESE são elaborados caso a caso para apoiar as empresas na (trans)formação dos seus quadros. São soluções feitas à medida da estrutura, da cultura, dos desafios e das ambições da empresa. Trabalhando em estreita articulação com as organizações criamos em conjunto experiências formativas únicas, com um foco claro nos objetivos e na transformação pretendida.

Porque cada empresa é diferente, a AESE propõe:

Programas Customizados

Os Custom Programs da AESE são elaborados caso a caso para apoiar as empresas na formação dos seus quadros. São soluções feitas à medida da estrutura, da cultura e das ambições da empresa.

Programas Intensivos
Os Programas Intensivos de Formação de Executivos são a nova oferta de programas intra-empresa de curta duração, baseados em formações predefinidas em áreas específicas. A maneira ideal de executar estes programas, é fazer cada um de acordo com a singularidade e necessidade de cada empresa.

Apresentação

A AESE, através de Programas pensados e desenhados especificamente para as empresas, pretende apoiar as organizações na formação dos seus quadros.

Este apoio efetua-se em estreita colaboração com a Direção da empresa, em todas as fases do Plano de Formação.

O objetivo desta cooperação é construir um modelo estratégico de formação que integre, tanto a transmissão de conceitos e ferramentas, como o desenvolvimento das capacidades diretivas necessárias. Modelo esse que terá sempre em conta a cultura da empresa e a consecução dos seus objetivos estratégicos.

A eficácia de um plano de formação

Para um Plano de Formação ser realmente eficaz, é condição necessária conhecer o que a Empresa é hoje, e o que ela quer ser num prazo de tempo determinado.

Demasiadas vezes centra-se a formação apenas em determinados temas ou metodologias, sem ter em conta a realidade concreta da Empresa. Daqui resulta, com frequência, um certo ceticismo sobre a eficácia dos cursos de formação, dos seus métodos e conteúdos, até por que se deixa, aos próprios formandos, a adaptação do que aprenderam à realidade específica da Empresa.

Trata-se, portanto, de saber para aplicar, ou seja, não só um esforço para aprender, mas também um compromisso para que o aprendido seja aplicado.

Se esta eficácia é relativamente mais fácil na formação tecnológica, já que a sua necessidade é quase sempre bem conhecida, e a curto prazo, ela é mais difícil quando se trata de transmitir valores, cultura e formas de comportamento organizativo, requerendo uma preparação mais demorada e um processo de aprendizagem mais lento, estável e duradouro.

O método de ensino da AESE – utilizado para os Custom Programs, como para todos os restantes – é basicamente um processo ativo de formação que se apoia num instrumento pedagógico: o Método do Caso. Um caso é a descrição de uma situação real, semelhante à que um dirigente encontra na sua vida profissional. A sua análise serve de base a este método eminentemente ativo, que fomenta a aprendizagem por via da descoberta, e garante um claro enriquecimento pessoal.

O know-how do corpo docente da AESE, composto por académicos e dirigentes empresariais, enriquece a aplicação deste método com a reflexão universitária e uma forte experiência empresarial.

Metodologia

1. Identificação e determinação, em conjunto com a Direção da Empresa, das necessidades de formação.

2. Análise da organização empresarial e do contexto em que se desenvolve a sua atividade.

3. Desenho do Programa e elaboração da proposta.

4. Discussão preliminar do Programa proposto com a Direção, para ajustamento de objetivos e conteúdos.

5. Desenvolvimento das atividades prévias ao Programa: normalmente entrevista pessoal, previamente preparada através do preenchimento de um questionário apropriado, entre um Professor da AESE, que continuará exercendo a função de “coach” ao longo do Programa, e cada participante.

6. Execução do Programa de Formação.

7. Avaliação de resultados, com o preenchimento de questionário específico, e primeiras conclusões.

8. Avaliação pós-Programa: entre 6 meses e um ano após o final da Formação, avaliar-se-á, através dos “coaches” e com cada participante, o impacte real do Programa em face dos objetivos pretendidos.

9. Relatório final de conclusões.

Quem já fez

São exemplos de Custom Programs já efetuados pela AESE, no sentido de alinhar as competências, atitudes e conhecimentos, com a estratégia de desenvolvimento da organização:

BASF – Programa de curta duração para 30 participantes, sobre vendas e gestão de Empresas Familiares.

CTT – Programa de média duração para 45 dirigentes, sobre Gestão de Serviços.

MICROGRAF – Programa de média duração para 32 Dirigentes, sobre Negociação.

MILLENNIUM BCP – Programa de média duração para 61 Executivos, sobre Gestão com enfoque para as Operações.

MOTA ENGIL – Programa de média duração para 52 Diretores e Coordenadores de Obras, sobre Gestão com enfoque para as Operações.

Os Professores da AESE têm dado várias conferências em reuniões de quadros de empresas como: APEMETAAPIFARMAEDP

Contactos

Catarina Heleno
Tlm (+351) 936 549 850
Tlf (+351) 217 221 530

Contactos

Catarina Heleno
Tlm (+351) 936 549 850
Tlf (+351) 217 221 530