AESE insight

AESE insight

AESE insight #47 > Thinking ahead

E tu, que farias neste caso …? O Caso Santini

Tales from the Trenches

Part 4: Faculty Reflect on the Challenges and Opportunities of Case Teaching


We reached out to numerous educators at different schools and asked them to share their perspectives on the case method. Though there were similarities in educators’ responses, the differences reflect the variety of circumstances in which faculty members use cases. The institutions where our interviewees teach vary in their emphasis on case-method teaching and the infrastructure they provide to support it.

Overall, however, the similarities in perspectives were more prominent. Our interviewees emphasized the case method’s unique power to engage and deepen active learning for both learners and educators. We consider these themes below as we explore faculty responses to six key questions.

The Initial Draw to Cases

We first asked interviewees to describe their experience with case teaching and how they started teaching with cases. Most of our respondents had some experience with cases when they were students, noting how much they enjoyed them and the experiences that they facilitated.

Associate Professor Ryan Buell, for instance, referred to when he realized as a student how engaging and transformational cases could be long before he began teaching them. Professorial Lecturer Meredith Burnett came to value case studies when she began teaching because of their ability to help students analyze issues that were relevant to their current or future careers, and for enabling her to dive into the challenges these issues posed for organizations. Professor Joshua Margolis noted how seeing an expert case teacher in action helped bring cases to life during an MBA class he took as a doctoral student.

At institutions where the case method is emphasized, our interviewees’ experiences with cases overlapped substantially with their time teaching in these programs. Sometimes, however, the decision to use cases was driven in part by pragmatism, as Associate Professor Leon Prieto suggested in his response about using cases so that his students would find his classes more meaningful.


Read the article by the HBP Editors >>

Leituras de Verão

Ao longo deste período habitual de férias, semanalmente, sugerindo a leitura de um caso. 

Boa leitura e boas férias!

Autores do Caso

Pedro Alvito, Professor de Política de Empresa
Adrián Caldart, Responsável Académico e Professor de Política de Empresa da AESE

Santini – “I gelati più fini del mondo”

O caso apresenta um pequeno negócio familiar de uma geladaria artesanal com uma marca muito prestigiada.

Em primeira apresentação histórica analisa o passado de uma família de várias gerações ligada à produção de gelados. Duas gerações fora de Portugal e três em Portugal mas sempre com muito prestígio e com elevada qualidade. A primeira grande interrogação põe-se quando Eduardo Santini (neto do fundador em Portugal) questiona em 2009 a continuidade do negócio só em termos familiares dado o seu excessivo envolvimento pessoal, o seu desconhecimento em termos de gestão e a sua falta de capacidade financeira para sozinho fazer crescer o negócio e profissionalizá-lo.

A partir de 2009 e com um novo sócio (Filipe de Botton) o negócio profissionaliza-se e cresce.

Em 2007 os dois sócios reúnem-se e interrogam-se sobre o futuro da empresa. Para onde crescer e que estratégia desenvolver?


 
Ler o caso >>

100 anos, 100 casos AESE

  • OMSA Alimentación, S.A.
  • PriceWaterhouseCoopers
  • Grupo BCPAtlântico
  • Mudança Cultural na EDP
  • A Estrutura Directiva da Renfe
  • GLS – Grupo Luis Simões
  • Unicer Bebidas de Portugal: Construir uma Estratégia de Mudança
  • O Novo estilo da HP
  • Mapfre Finisterre
  • O Banco Grameen – O crédito como Direito Humano
  • Associação Guias de Portugal
  • As Políticas de Recursos Humanos do Grupo Universal
  • VIVO. Portugal Telecom e Telefónica de España no Brasil
  • Aravind Eye Care System
  • The Barefoot College
  • Infosys
  • As Espirais da Carreira Profissional
  • O “Pé de Jaipur”
  • Crescimento e diversificação na Martifer
  • Projecto de integração. A GALP em Espanha
  • Dr. Devi Shetty e a revolução na saúde – A Narayana Hrudayalaya Healthcity
  • Médis
  • Estratégia Corporativa da Galp Energia
  • Bancos Alimentares contra a Fome
  • Jaguar, Land Rover – Até quando sobreviverão?
  • FISIPE – Um MBO de alto risco
  • Grupo Casais
  • Santini – “I gelati più fini del mondo”
  • Infosys, Índia
  • TMG: Liderar a Empresa Rumo ao Futuro
  • Symington Family Estates (SFE) –A wine company geared to the future
  • Casa Relvas – A arte de ser disruptivo
  • Grupo Barraqueiro – Crescimento, diversificação e internacionalização (2019)
  • A Indústria de videojogos para consolas em 2011
  • Navigator: Uma decisão que pode mudar um País
  • Grupo Barraqueiro – Crescimento, diversificação e internacionalização (2020)
  • UNIPLACES – The quest for a competitive value proposition
  • Auto-Vila, Reciclagem de Resíduos Industriais, Lda. (1987-1995)
  • ClubSmart: uma parceria de sucesso
  • SIBS – A Rede do Multibanco
  • Patagonia, Inc.
  • A Teviz sete anos depois
  • Finishing do Millennium BCP em Julho de 2004
  • A Gestão da Inovação na Brisa
  • Econstroi – Uma Plataforma Electrónica de Compras do Sector de Construção Civil
  • Lusa – Agência de Notícias de Portugal
  • Vortal, Connecting Business and Public eTendering
  • Gestão da inovação na Portugal Telecom – O Programa Open (Fase 1)
  • Quinta da Aveleda
  • Brisa Inovação e Tecnologia: da Inovação para a Internacionalização
  • ActivoBank –- O Banco que simplifica
  • H3 – Fast Service / Not So Fast Food
  • Lusosider Aços Planos
  • Gestão da inovação na Portugal Telecom – O Programa Open (Fase 2)
  • ECCO Portugal – 2015
  • Luis Simões em Madrid – Reestruturação das Operações Logisticas
  • TMG Rumo ao Futuro
  • Solancis – O futuro construído pedra sobre pedra
  • Grupo EDP: From Insourcing to Full IT Outsourcing
  • Parques de Sintra – Monte da Lua
  • Grupo Parras
  • A Coopetição como estratégia de sustentabilidade no douro: O caso da Lavradores de Feitoria
  • Grupo Polisport – A eterna paixão pelas duas rodas
  • Grupo Sogrape – Tradição, paixão e inovação
  • SUMA – Gestão de Resíduos no contexto das “Smart Cities”
  • Fidelidade – A Internacionalização de uma Companhia de Seguros
  • Vulcano Termodomésticos, S.A.
  • Galp Energia – Iberização do Retalho
  • Logoplaste – Inovação no Mercado Global: da Embalagem à Solução
  • Millennium BCP – A Refundação de um Banco no Lançamento de uma Marca Nova
  • Ronald Reagan – Uma Campanha de marketing Político
  • Lançamentda Super Bock “MINI” – Estudos de Mercado na Indústria Alimentar
  • Clube Pedigree & Whiskas
  • HPP Saúde – A Avaliação da Satisfação dos Clientes
  • VêGê – Reposicionamento de Marca na Indústria Alimentar
  • Portugal Fresh
  • Vitacress – A conquista da Europa
  • Fly London
  • Science4You: desafios de crescimento num mercado em crise
  • VIA VERDE Portugal – A criação de um ecossistema
  • Mateus Rosé –- Making the brand sparkle to Millennials
  • Mimo TMN
  • Aerosoles
  • Levidura – Botas de Montanha – Um Projeto Industrial
  • Restaurante Lisboa
  • Marriot International Inc.
  • As contas do Benfica, Porto e Sporting
  • Lusoponte – O Refinanciamento da Ponte Vasco da Gama
  • O Aumento de Capital da EDP
  • Myojo Foods, Co. Ltd
  • A AbrilControlJornal
  • Sistema de Informaçãda Clínica Universitária de Navarra (SI-CUN)
  • Alliance Healthcare – Transformação Digital
  • E-Business na Galp Energia
  • A Odisseia do Endurance
  • Centro de Cirurgia Cardiotorácica de Coimbra
  • Fernando e Maria da Conceição
  • Departamento de Operações do Millenniumbcp
  • Starbucks Corporation: Motivação e Trabalho em Equipa
  • Travel Store